O JOGO DA RODADA – Taubaté conquista 17ª vitória na Superliga Masculina

Pela Superliga Masculina 2020/2021, em jogo válido pela décima rodada do returno, o EMS/Funvic/Taubaté derrotou o América. Foi a 17ª vitória do time do Vale do Paraíba na competição, em 19 jogos. Jogando fora de casa, em Montes Claros, em Minas Gerais, no ginásio Tancredo Neves, o Taubaté venceu os donos da casa, pelo placar máximo, com parciais de 25/20, 25/22, 25/20.

Eleito o melhor em quadra por votação popular pela internet, o ponteiro Douglas Souza do Taubaté comentou sobre a vitória contra o América com a assessoria da CBV. “É muito gratificante receber mais um prêmio e, acima de tudo, vencer. Estou muito feliz pelo meu crescimento, pelo crescimento do time e sabemos que isso vai ser muito importante para o playoff. Sinto que o time está se ajustando e no momento certo, já perto da fase decisiva”.

Com o resultado, o Taubaté ficou próximo de garantir a vice-liderança geral na tabela de classificação. Para isso, precisa vencer o Campinas, 3º colocado, na próxima quarta-feira, 3 de Março, em confronto direto pela posição, em partida atrasada da 7ª rodada do turno. O jogo está marcado para 19h, no ginásio do Abaeté, em Taubaté, com transmissão do SPORTV 2.

OUTROS RESULTADOS DA RODADA

Caramuru 0x3 Vôlei Guarulhos 21/25, 29/31, 23/25

Apan/Blumenau 0x3 Vôlei Renata/Campinas 19/25, 20/25, 21/25

O bloqueio triplo de Taubaté/Divulgação CBV/Alex Sezko

O JOGO DA RODADA – Itambé/Minas conquista 14ª vitória consecutiva

Pela Superliga Feminina 2020/2021, em jogo válido pela 9ª rodada do returno, o Itambé/Minas derrotou o Sesc/Flamengo. Foi a 14ª vitória consecutiva da equipe mineira na competição. Jogando fora de casa, no Rio de Janeiro, no ginásio Hélio Maurício, o Minas bateu o rubro-negro, pelo placar máximo, com parciais de 25/16, 25/21, 25/23. Eleita a melhor em quadra por votação popular pela internet, a central Thaísa do Minas foi a maior pontuadora do confronto com 15 pontos. Ao final da partida, ela recebeu o troféu Viva Vôlei. Pelo Flamengo, a ponteira Ana Cristina foi o destaque na pontuação, com 12 pontos.

Com o resultado, o Itambé/Minas garantiu a liderança na fase regular da Superliga Feminina 2020/2021. Com 19 vitórias em 20 jogos, o Minas não pode ser mais alcançado pelo 2º colocado na tabela, o Osasco. Já o Flamengo corre o risco de perder a 5ª posição para o São Paulo/Barueri. Na próxima rodada, na sexta-feira, 26 de Fevereiro, o Minas enfrenta o Praia no clássico mineiro, na Arena Minas, às 21h30, com transmissão do SPORTV 2. Já o Flamengo recebe o São José dos Pinhais, no Rio, também na sexta-feira, 26 de Fevereiro, a partir das 19h30, com transmissão do Canal Vôlei Brasil.

SESC/FLAMENGO Fabíola (2), Lorenne (10), Ana Cristina (12), Amanda (10), Juciely (2), Valquíria (1), Camila Gomes (L). Entraram: Juma (0), Sabrina (2), Gabirú (0), Milka (1). Técnico: Bernardinho

ITAMBÉ/MINAS Macris (1), Cuttino (10), Pri Daroit (14), Hodge (13), Thaísa (15), Lara (5), Leia (L). Entraram: Pri Heldes (0), Kasiely (0), Camila Mesquita (0). Técnico: Nicola Negro

OUTROS RESULTADOS – 9ª rodada do returno

Brasília 0x3 Osasco 16/25, 17/25, 23/25

Praia Clube 2×3 Sesi/Bauru 25/21, 27/29, 25/20, 25/27, 13/15

São Caetano 0x3 São Paulo/Barueri 17/25, 14/25, 17/25

São José dos Pinhais 0x3 Curitiba 19/25, 20/25, 22/25

Pinheiros 2×3 Fluminense 22/25, 17/25, 25/21, 25/14, 10/15

A ponteira Pri Daroit do Minas no ataque/Divulgação Flamengo

O JOGO DA RODADA – Sada/Cruzeiro assume liderança da Superliga

Pela temporada 2020/2021 da Superliga Masculina, em jogo válido pela última rodada do turno, o Sada/Cruzeiro venceu o EMS/Funvic/Taubaté, em disputa direta pela liderança da competição. Jogando em seus domínios, no ginásio do Riacho, em Contagem, o time celeste bateu o Taubaté, de virada, por 3×1, com parciais de 22/25, 25/20, 28/26, 25/22. O oposto Alan do Cruzeiro foi o maior pontuador do confronto com 23 pontos. Ele ainda foi eleito o melhor em quadra, em votação popular pela internet, com 28% dos votos.

Ao final da partida, ele comentou sobre o jogo, em entrevista ao SPORTV. “Os dois times jogaram muito bem, mas nós tivemos muito altos e baixos ao longo da partida. Nós soubemos sair destes momentos de dificuldades. No 1º set estávamos com a vantagem e deixamos eles virarem. Nas demais parciais entramos mais concentrados, sacamos bem, atacamos bem e bloqueamos bem, conseguimos neutralizar alguns pontos fortes deles”.

Com o resultado, o Taubaté perdeu a invencibilidade e a liderança na competição. Já o Cruzeiro, encerrou o turno da temporada, em 1º lugar, com 31 pontos, 10 vitórias e uma derrota, em 11 jogos. Na próxima rodada começa o returno da Superliga Masculina 2020/2021. O Taubaté enfrenta o Uberlândia/Gabarito, em casa, na terça-feira, 22 de Dezembro, às 19h, com transmissão do Canal Vôlei Brasil, enquanto o Cruzeiro recebe o Volei Guarulhos, em Contagem, também na terça-feira, 22 de Dezembro, às 20h, com transmissão do Canal Vôlei Brasil.

SADA/CRUZEIRO Cachopa (4), Alan (23), Conte (11), López (15), Isac (11), Otávio (8), Lukinha (L). Entraram: Pingo (1), Filipe (0). Técnico: Marcelo Mendez

EMS/FUNVIC/TAUBATÉ Bruninho (3), Filipe Roque (18), Maurício Borges (13), João Rafael (7), Maurício Souza (6), Lucão (13), Thales (L). Entraram: João Franck (5), Fabiano (0). Técnico: Javier Weber

OUTROS RESULTADOS – 11ª rodada do turno

Caramuru 0x3 Vôlei Renata/Campinas 23/25, 10/25, 14/25

Uberlândia 3×1 Vôlei Itapetininga 25/21, 23/25, 25/18, 25/21

Pacaembú Ribeirão 1×3 Apan/Blumenau 18/25, 21/25, 25/22, 16/25

Sesi/SP 1×3 Vôlei Guarulhos 23/25, 25/23, 23/25, 25/27

O oposto Alan em ação de ataque/Agência i7/Divulgação Sada

O JOGO DA RODADA – Fora de casa, Osasco quebra invencibilidade do Praia

Pela Superliga Feminina 2020/2021, em jogo atrasado da 8ª rodada, o Osasco/Audax derrotou o Praia Clube, em confronto direto pela liderança da competição. Jogando no domínio adversário, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, o atual campeão paulista venceu a partida no tie-break, com parciais de 25/21, 26/28, 25/21, 16/25, 17/15. A ponteira Tainara do Osasco foi a maior pontuadora do duelo com 22 pontos. A bicampeã olímpica Jaqueline também do Osasco, foi eleita a melhor do jogo, em votação popular pela internet.

Ao final da partida, ela conversou com a assessoria da CBV sobre a vitória. “Quero dedicar está vitória ao nosso grupo. Viemos para este jogo com 11 jogadoras, tivemos algumas baixas por lesões e a Tandara que testou positivo para COVID-19. Apesar de todos esses problemas conseguimos nos superar. Foi por meio desta dificuldade que conseguimos tirar o nosso melhor e alcançar o resultado positivo”.

Com o resultado, o Osasco/Audax quebrou a invencibilidade de 7 jogos do Praia Clube na temporada. Já a equipe de Uberlândia, caiu para a 3ª posição na tabela de classificação. Na próxima rodada, o Osasco enfrenta o São Caetano, fora de casa, no ginásio Lauro Gomes, no sábado, 19 de Dezembro, às 19h, com transmissão do SPORTV 2, enquanto o Praia, recebe o Minas, na sexta-feira, 18 de Dezembro, às 21h30, também com transmissão do SPORTV 2.

Martinez em ação de ataque/Praia Clube/Divulgação

O JOGO DA RODADA – Em partida de recuperação, Itambé/Minas derrota São José dos Pinhais

Pela 8ª rodada da temporada 2020/2021 da Superliga Feminina, o Itambé/Minas conquistou a sexta vitória na competição. Jogando fora de casa, no Paraná, em São José dos Pinhais, no ginásio Ney Braga, o Minas venceu o time da casa, por 3×0, com parciais de 25/23, 25/20, 25/20. A ponteira Pri Daroit foi eleita a melhor em quadra, com 30% dos votos, em votação popular na internet. Ao final do jogo, ela destacou a recuperação da equipe depois da derrota para o Osasco, pela 6ª rodada, em entrevista ao SPORTV.

Com o resultado, o Itambé/Minas assumiu a terceira posição na tabela com 18 pontos, em 7 jogos, 6 vitórias e uma derrota. Já o São José dos Pinhais saiu do grupo dos oito classificados para os playoffs do torneio. Na próxima rodada, na sexta-feira, 11 de Dezembro, o Minas recebe o Sesc/Flamengo na Arena, a partir das 21h30, com transmissão do SPORTV 2. Já o São José dos Pinhais viaja até Curitiba, também na sexta-feira, 11 de Dezembro, para o clássico paranaense, contra o Curitiba Vôlei, no ginásio do Colégio Positivo, às 17h da tarde, com transmissão do Canal Vôlei Brasil.

OUTROS RESULTADOS – 8ª rodada do turno

Brasília 1×3 São Paulo/Barueri 25/23, 21/25, 13/25, 18/25

São Caetano 1×3 Fluminense 18/25, 23/25, 25/22, 17/25

Pinheiros 1×3 Curitiba Vôlei 21/25, 18/25, 25/23, 25/27

Pri Daroit melhor em quadra/Divulgação CBV/Inovafoto/Wander Roberto

O JOGO DA RODADA – Na reedição da final do Paulista, Taubaté devolve derrota para o Campinas

Pela temporada 2020/2021 da Superliga Masculina, em jogo válido pela 7ª rodada da competição, o EMS/Funvic/Taubaté derrotou o Vôlei Renata/Campinas, na reedição da final do Paulista 2020. Jogando fora de casa, na cidade de Campinas, no ginásio do Taquaral, a equipe do Vale do Paraíba venceu os donos da casa, por 3×1, com parciais de 25/18, 25/22, 22/25, 25/23. O oposto Filipe Roque do Taubaté foi eleito o melhor em quadra, em votação popular pela internet. Ele ainda foi o maior pontuador do confronto com 21 pontos.

Ao final da partida, após receber o troféu Viva Vôlei, Roque falou sobre o desempenho do time com a assessoria da CBV. “Isso é fruto de muito trabalho. Trabalhamos muito para chegar aqui e dar o nosso melhor dentro de quadra. Oscilamos um pouco no terceiro set, mas conseguimos melhorar e fechar o jogo no quarto. Estudamos bastante, o Weber montou uma estratégia para anular os atacantes deles e isso veio a nosso favor”.

Com o resultado, o EMS/Funvic/Taubaté manteve a liderança e invencibilidade na competição, com 21 pontos, 7 vitórias em 7 jogos. Já o Campinas perdeu a vice-liderança no torneio, após conhecer a sua segunda derrota na Superliga 2020/2021. Na próxima rodada, na sexta-feira, 4 de Dezembro, o Taubaté recebe no ginásio do Abaeté o Sesi/SP, às 19h. Já o Campinas, enfrenta o Guarulhos, fora de casa, no domingo 6 de Dezembro, também às 19h, com transmissão do SPORTV 2.

OUTROS RESULTADOS – 7ª rodada do turno

Pacaembu/Ribeirão 0x3 Uberlândia/Gabarito 14/25, 18/25, 18/25

Itapetininga 2×3 América Vôlei 25/18, 25/27, 25/22, 22/25, 9/15

Sesi/SP 0x3 Sada/Cruzeiro 17/25, 17/25, 23/25

Minas 3×0 Guarulhos 25/21, 25/18, 25/18

O oposto Filipe Roque, melhor da partida/Divulgação Vôlei Renata Campinas

O JOGO DA RODADA – Sesc/Flamengo conquista terceira vitória consecutiva

Pela Superliga Feminina 2020/2021, em jogo válido pela 3ª rodada da competição, o Sesc/Flamengo conquistou a terceira vitória consecutiva no torneio. Jogando fora de casa, na capital paulista, no ginásio Henrique Villaboin, o rubro-negro carioca venceu o Pinheiros, por 3×0, com parciais de 25/10, 25/14, 27/25. Após a partida, a levantadora Juma do Flamengo recebeu o troféu Viva Vôlei. Ela foi eleita a melhor em quadra, em votação popular pela internet, com 51% dos votos.

Em conversa com a assessoria de imprensa da CBV, Juma comentou sobre o desempenho do time contra o Pinheiros. “Não esperávamos uma vantagem tão grande. Conseguimos impor nosso ritmo desde o início, com um bom saque. Elas acabaram acionando muito pouco as centrais, o que ajudou bastante. Fico feliz com o reconhecimento e o troféu, mas não foi uma boa atuação só minha. Foi uma vitória do conjunto”.

Com o resultado, o Sesc/Flamengo manteve a invencibilidade na competição. Já o Pinheiros sofreu o terceiro revés, em 3 jogos. Na próxima rodada, na sexta-feira, 20 de Novembro, a equipe paulista joga contra o Praia Clube, às 19h30, em Uberlândia. O Sesc/Flamengo recebe o Curitiba Vôlei, no Rio, no ginásio Hélio Maurício, no sábado, 21 de Novembro, às 19h, com transmissão do SPORTV 2.

OUTROS RESULTADOS – 3ª rodada

Fluminense 1×3 Sesi/Bauru 16/25, 25/17, 21/25, 16/25

Curitiba Vôlei 1×3 Itambé/Minas 25/22, 15/25, 14/25, 21/25

São Caetano 0x3 Praia Clube 9/25, 10/25, 10/25

São Paulo/Barueri 0x3 Osasco/Audax 22/25, 20/25, 21/25

Brasília Vôlei 1×3 São José dos Pinhais 25/17, 20/25, 24/26, 17/25

A jovem Ana Cristina do Flamengo no ataque, ela marcou 12 pontos no jogo/Divulgação ECP

O JOGO DA RODADA – Sada/Cruzeiro se recupera de derrota para o Minas

Pela temporada 2020/2021 da Superliga Masculina, em jogo válido pela 4ª rodada da competição, o Sada/Cruzeiro recuperou-se da derrota para o Minas na rodada anterior. Jogando em Contagem, no ginásio do Riacho, em seus domínios, contra o Vôlei Renata de Campinas, o time celeste saiu de quadra com a vitória. O placar final do confronto ficou em 3×1, a favor dos cruzeirenses, com parciais de 25/21, 23/25, 28/26, 25/18.

O ponteiro cubano López do Cruzeiro foi o maior pontuador da partida com 23 pontos. Ele foi eleito em votação popular pela internet, o melhor em quadra, com 22% dos votos. Ao final do jogo, ele entregou o troféu Viva Vôlei para o técnico do seu time Marcelo Mendez, como reconhecimento pelo trabalho dele.

Com o resultado, o Vôlei Renata perdeu a invencibilidade no torneio. Já o Cruzeiro conquistou a terceira vitória, em 4 jogos. Na próxima rodada, no próximo sábado, 21 de Novembro, o Cruzeiro joga contra o Itapetininga, fora de casa, no ginásio Ayrton Senna, às 16h30, com transmissão do SPORTV 2. O Vôlei Renata recebe o Minas, em Campinas, no ginásio do Taquaral, no domingo, 22 de Novembro, às 21h30, também com transmissão do SPORTV 2.

SADA/CRUZEIRO Cachopa, Alan, Conte, López, Otávio, Pingo, Lukinha (L). Entraram: Rodriguinho, Álvaro. Técnico: Marcelo Mendez

VÔLEI RENATA/CAMPINAS Gonzalez, Vissoto, Temponi, Vaccari, Michel, Barreto, Bello (L). Entraram: Cristiano. Técnico: Horácio Dileo

OUTROS RESULTADOS – 4ª rodada

Sesi/SP 0x3 Uberlândia/Gabarito 18/25, 23/25, 23/25

América Vôlei 3×0 Pacaembú/Ribeirão 25/19, 25/10, 25/15

Caramuru 1×3 Itapetininga 20/25, 25/12, 26/28, 22/25

O central Pingo do Cruzeiro em ação de ataque/Divulgação Cruzeiro

O JOGO DA RODADA – Vôlei Renata/Campinas garante 5ª posição na tabela

Pela Superliga Masculina, em jogo válido pela penúltima rodada do returno, o Vôlei Renata/Campinas venceu o América, jogando em casa, no ginásio do Taquaral. O placar final do confronto ficou em 3×1, com parciais de 25/20, 25/23, 23/25, 25/23, a favor dos campineiros. Com o resultado, o Vôlei Renata confirmou a 5ª posição geral na tabela de classificação da competição. Já garantido nos playoffs, o time comandado pelo argentino Horácio Dileo, ainda possui chances de avançar de fase em 4º lugar. Para isso, precisa vencer o Itapetininga por 3×0 ou 3×1 na última rodada e torcer por um tropeço do Sesi contra o Taubaté.

O central Luizinho do Campinas foi o maior pontuador do duelo com o América. Ele anotou 20 pontos, sendo 10 no ataque, 4 no serviço e 6 de bloqueio. Ele ainda foi eleito o melhor da partida, por votação popular na internet, tendo recebido o troféu Viva Vôlei. Ao final do jogo, Luizinho conversou com a assessoria da CBV sobre o seu desempenho individual contra o América. “Tenho feito bons jogos e isso vem dando confiança e um entrosamento ainda maior com o Gonzales, levantador com quem jogo há algumas temporadas. A confiança dele comigo ajuda e tem dias que as coisas dão certo mesmo. Destaco a importância da comissão técnica e da equipe para que isso aconteça”.

OUTROS RESULTADOS

Fiat/Minas 2×3 Vôlei Ribeirão 25/18, 25/19, 22/25, 19/25, 14/16

Ponta Grossa 1×3 Sesc/RJ 20/25, 19/25, 25/19, 18/25

Maringá 2×3 Itapetininga 25/22, 25/21, 23/25, 18/25, 17/19

Sesi/SP 2×3 Apan Blumenau 25/27, 23/25, 25/20, 25/17, 13/15

Cruzeiro 0x3 Taubaté 18/25, 24/26, 22/25

O central Luizinho no ataque/Divulgação Vôlei
Renata/Marcos Ribolli

O JOGO DA RODADA – Sesc/Rio quebra sequência de vitórias do Minas

Pela Superliga Feminina de vôlei, em jogo atrasado da 8ª rodada do returno, o Sesc/Rio bateu o Minas, jogando em casa, no ginásio do Tijuca. O placar final do confronto ficou em 3×1, com parciais de 25/15, 22/25, 25/19, 25/22, a favor das comandadas de Bernardinho. Com o resultado, o Sesc quebrou uma sequência de 9 vitórias consecutivas do Minas e assumiu a vice-liderança da competição.

A oposta Tandara foi a maior pontuadora da partida com 19 pontos. Ela ainda foi eleita a melhor do jogo, por votação popular na internet. Após a vitória, Tandara conversou com a assessoria da CBV. “Esse foi um jogo para já começarmos a conhecer o que nos espera pela frente. Jogamos muito bem, sacamos bem, criamos novas e boas oportunidades de ataque e estou feliz que tenha dado tudo certo”.

RESUMO

Sesc e Minas adotaram uma estratégia clara de forçar o jogo no serviço. Com mais eficiência no fundamento, o time comandado por Bernardinho dominou toda a primeira parcial, a ponto de obrigar o Minas a sacar a ponteira venezuelana Acosta do jogo. Com a entrada de Kasiely, o Minas conseguiu estabilizar a sua linha de passe. No entanto, continuou cometendo um alto número de erros. A levantadora Macris teve dificuldade para trabalhar o jogo com suas centrais. Em uma boa sequência de Thaísa no saque, o Minas finalmente colocou o Sesc em apuros. Resultado: o jogo estava empatado.

Com mais confiança, o Minas voltou melhor para a terceira parcial do que o Rio. Porém, o volume de jogo do Rio recolocou o time de Bernardinho no páreo. Inexplicavelmente, o técnico do Minas voltou com Acosta no lugar de Kasiely, facilitando a vida do Sesc. Aproveitando as oportunidades de contra-ataques, o Sesc abriu boa frente no placar e venceu a terceira parcial. No 4º set, houve certo equilíbrio entre as duas equipes. No momento decisivo, o Sesc fechou a partida em 3×1, ao quebrar mais uma vez, a linha de passe do Minas.

SESC/RIO Fabíola (6), Tandara (19), Juciely (10), Milka (5), Amanda (11), Drussyla (15), Natinha (L). Entraram: Carol Leite (0), Gabirú (0). Técnico: Bernardinho

ITAMBÉ/MINAS Macris (2), Sheilla (15), Carol Gattaz (12), Thaísa (9), Acosta (2), Rabadzieva (14), Leia (L). Entraram: Kasiely (5), Bruninha (0), Bruna Honório (1). Técnico: Nicola Negro

OUTROS RESULTADOS

Sesi/Bauru 2×3 Praia Clube 25/21, 13/25, 15/25, 25/19, 13/15

A ponteira Drussyla comemora o ponto/Divulgação CBV/Luciano Belfod