AS ESTATÍSTICAS DA VNL MASCULINA 2022

Com o encerramento da fase regular da Liga das Nações masculina de vôlei 2022, o blog apresenta um panorama do desempenho individual dos atletas, com base nos dados estatísticos da FIVB. Neste estágio da competição, às vésperas das finais, o oposto Nimir da Holanda lidera na pontuação, com 231 pontos. Na vice-liderança aparece o oposto iraniano Amin, com 193 pontos. Em 3º lugar na pontuação, o japonês Nishida, com 193 pontos. Em 4º lugar, o jovem ponteiro Nikolov da Bulgária, com 172 pontos. Fechando o top 5 da pontuação, o japonês Ishikawa, com 164 pontos. O melhor brasileiro colocado, mesmo lesionado, é o oposto Alan, com 113 pontos, em 24º lugar. A seguir, o top 5 de cada fundamento.

ATAQUE

1 – Nimir da Holanda com 191 ataques vencedores

2 – Amin do Irã com 169 ataques vencedores

3 – Nishida do Japão com 156 ataques vencedores

4- Nikolov da Bulgária com 150 ataques vencedores

5 – Zhang da China com 140 ataques vencedores

Melhor brasileiro colocado

21 – Alan do Brasil com 98 ataques vencedores

BLOQUEIO

1 – Gotsev da Bulgária com 2.92 de média por jogo

2 – Flávio do Brasil com 2.25 de média por jogo

3 – Loser da Argentina com 2.17 de média por jogo

4 – Smith dos Estados Unidos com 2.00 de média por jogo

5 – Kozamernik da Eslovênia com 1.83 de média por jogo

SERVIÇO

1 – Nimir da Holanda com 30 pontos de serviço

2 – Ishikawa do Japão com 29 pontos de serviço

3 – Nishida do Japão com 27 pontos de serviço

4 – Russel dos Estados Unidos com 21 pontos de serviço

5 – Bieniek da Polônia com 16 pontos de serviço

Melhor brasileiro colocado

18 – Isac do Brasil com 10 pontos de serviço

LEVANTAMENTO

1 – Seganov da Bulgária com 25% de eficiência

2 – Bruninho do Brasil com 25% de eficiência

3 – Gianelli da Itália com 22% de eficiência

4 – Tuaniga dos Estados Unidos com 21% de eficiência

5 – Sanchez da Argentina com 21% de eficiência

DEFESA

1 – Danani da Argentina com 10% de eficiência

2 – Yamamoto do Japão com 9% de eficiência

3 – Zenger da Alemanha com 9% de eficiência

4 – Diez da França com 8% de eficiência

5 – Andriga da Holanda com 6% de eficiência

Melhor brasileiro colocado

7 – Thales do Brasil com 5% de eficiência

RECEPÇÃO

1 – Danani da Argentina

2 – Pope da Austrália

3 – Zenger da Alemanha

4 – Yamamoto do Japão

5 – Ishikawa do Japão

Melhor brasileiro colocado

11 – Thales do Brasil

O levantador Bruninho é um dos destaques do Brasil nas estatísticas da VNL 22, ao lado do central Flávio/Volleyball World/Divulgação FIVB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s