O 1º TURNO DA SUPERLIGA FEMININA

O Ano Novo começou e praticamente toda rodada da Superliga Feminina foi adiada devido ao COVID-19. Várias equipes estão com casos, entre jogadoras e até mesmo nas comissões técnicas. A principal partida marcada para este comecinho de 2022, entre Minas e Osasco, foi adiada para o dia 14 de Janeiro. Esse jogo que encerra o 1º turno, é crucial para compor os confrontos da Copa do Brasil. Dito isso, vamos aos destaques da Superliga Feminina até o momento.

FLUMINENSE

Lutando contra o rebaixamento na temporada passada, o Fluminense reformulou sua equipe, com a consolidação da comissão técnica que impediu o descenso. O tricolor carioca fez novas contratações e sob o comando do técnico Guilherme Schimtz está incomodando os principais favoritos da competição, mesclando experiência e juventude. Derrotas para equipes favoritas decididas na margem mínima, além de vitórias importantes sobre Barueri e Bauru. É bom ficar de olho no atual treinador do Fluminense. Tem futuro!

O técnico do Fluminense/Divulgação Fluminense

DUELO MINEIRO

Apesar das oscilações, a disputa do título da temporada 2021/2022 da Superliga Feminina não deve fugir do duelo mineiro entre Minas e Praia. O time de Uberlândia começou a temporada em alta e o Minas com surto de COVID-19. Após um decepcionante Mundial de Clubes, para os dois times, o Praia sofreu o primeiro revés doméstico, contra o Barueri, dentro de casa. Mesmo assim, manteve a dianteira na competição, com 10 vitórias em 11 jogos. O Minas ainda não se recuperou do começo ruim de temporada, mas o momento atual é a hora certa para tentar diminuir a diferença para o Praia.

ALGOZ PAULISTA

O Osasco segue firme no intuito de estragar a festa mineira. Sem poder contar com Tandara, pega no doping, contratou recentemente uma experiente jogadora turca. O desempenho do time na competição é bom, mesmo sem o reforço turco. Apesar disso, o banco do time está desfalcado. O técnico Luizomar de Moura deve aproveitar a irregularidade de Minas e Praia, neste momento, para tentar fugir do confronto direto nas semifinais.

G8

A briga para avançar de fase entre os 8 primeiros da fase regular está quente. O Pinheiros melhorou seu desempenho em relação aos últimos anos, estando perto de conseguir a classificação para os playoffs, após 3 temporadas fora. Seu principal adversário na disputa é o Brasília. Flamengo, Barueri e Fluminense também estão próximos, mas dificilmente ficarão sem classificação para os playoffs.

A oposta Edinara, um dos destaques do Pinheiros na competição/Divulgação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s