CRUZEIRO É CAMPEÃO SUL-AMERICANO PELA 7ª VEZ

Pela 7ª vez, o Sada/Cruzeiro é campeão Sul-Americano. Em 2020, jogando em casa, no ginásio do Riacho, em Contagem, a equipe cruzeirense bateu o UPCN da Argentina na grande final da competição. O placar final do confronto ficou em 3×1, a favor do time celeste, com parciais de 25/18, 14/25, 25/19, 25/23. Foi o quinto título sul-americano consecutivo do Cruzeiro na história do torneio. Anteriormente, os comandados de Marcelo Mendez venceram as edições de 2012, 2014, 2016, 2017, 2018 e 2019. Completou o pódio do campeonato, em 3º lugar, o EMS/FUNVIC/Taubaté, após derrotar o Bolívar, por 3×1, na disputa do bronze.

Após a decisão, o levantador Cachopa do Cruzeiro, eleito o MVP do Sul-Americano 2020, falou sobre a conquista do título com a Confederação Sul-Americana de Vôlei. “Estou muito feliz por esta conquista. Jogamos contra uma equipe difícil, que toca em todas as bolas, com um bom sistema defensivo. Porém, nos preparamos para cada partida, por muito tempo, necessitando sempre saber como enfrentar cada adversário. Hoje soubemos como jogar para poder ganhar”.

SELEÇÃO DO SUL-AMERICANO 2020

A seleção do Sul-Americano 2020 foi composta pelo levantador búlgaro Brajkovic do UPCN, o oposto Luan do Cruzeiro, o ponteiro argentino Conte do Cruzeiro e o ponteiro cubano Lopez do UPCN, os centrais Otávio do Cruzeiro e Maurício Souza do Taubaté, e o líbero Perren do UPCN.

A CAMPANHA DO TÍTULO

1ª Fase – Grupo B

11/02 Cruzeiro 3×0 Juan Ferreira 25/14, 25/14, 25/14

12/02 Cruzeiro 3×0 Bolívar 25/18, 29/27, 25/23

Semifinal

14/01 Cruzeiro 3×2 Taubaté 23/25, 25/16, 21/25, 25/23, 15/13

Final

15/01 Cruzeiro 3×1 UPCN 25/18, 14/25, 25/19, 25/23

O campeão Sul-Americano 2020/Divulgação CSV