O PRÉ-OLÍMPICO EUROPEU MASCULINO

Começou hoje na Europa, em Berlim, na Alemanha, o Pré-Olímpico Continental. É a última chance de classificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio deste ano. Já na 1ª rodada, um resultado surpreendente. Em um embate entre os dois favoritos do qualificatório europeu masculino, a França bateu a Sérvia por 3×0, com parciais de 25/21, 25/21, 25/22, em jogo válido pelo grupo B. Cercada de problemas de relacionamento e de contusões antes do início da competição, a seleção francesa estava com uma cotação mais baixa, em relação a Sérvia, atual campeã europeia.

Ainda pelo Pré-Olímpico Europeu masculino, pelo grupo A, os alemães, donos da casa, estrearam com vitória sobre a República Checa, pelo placar máximo, 3×0. No outro jogo do grupo, a Eslovênia, atual vice-campeã europeia, também iniciou o qualificatório com triunfo por 3×0, contra a Bélgica. Fato é que, após os três primeiros jogos, o panorama da disputa pela vaga europeia nas Olimpíadas mudou um pouco.

No grupo A, Alemanha e Eslovênia devem conquistar a classificação para as semifinais do torneio. A Bélgica corre por fora. No entanto, no grupo B, a situação da Sérvia ficou delicada. Uma nova derrota no jogo contra a Holanda, amanhã, praticamente elimina os campeões europeus dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Além dos holandeses e sérvios, fazem parte da chave B, o grupo da morte, França e Bulgária. As duas seleções também se enfrentam amanhã. Dificilmente, a vaga europeia para as Olimpíadas não sairá dos participantes do grupo B, apesar da Alemanha jogar em casa e a seleção eslovena ser uma equipe altamente imprevisível.