PRÊMIO BRASIL OLÍMPICO 2019

Aconteceu, hoje, no Rio de Janeiro, o Prêmio Brasil Olímpico 2019. Em sua 21ª edição, a premiação consagrou os melhores atletas do ano no Brasil, em cada modalidade. No caso específico do vôlei de quadra, o levantador Bruninho do Civitanova da Itália foi escolhido o melhor atleta do esporte em 2019. Infelizmente, ele não compareceu a premiação, devido aos seus compromissos pessoais, com o seu clube na Europa.

Além de vencer como o melhor atleta do ano no voleibol brasileiro em 2019, Bruninho concorreu em outra categoria. Pelo segundo ano consecutivo, o campeão olímpico na Rio 2016, foi indicado ao prêmio “Atleta da Galera”, com outros dez atletas de outras modalidades. O tenista de mesa Hugo Calderano levou o prêmio, em votação exclusiva realizada pelo COB na internet.

Também representou o vôlei de quadra, no Prêmio Brasil Olímpico 2019, o técnico da seleção brasileira masculina Renan Dal Zotto. Ele foi eleito o melhor técnico de esportes coletivos, pelo segundo ano consecutivo. Em 2018, Renan também ganhou o prêmio. Pelo feito, recebeu do COB, o troféu Bebeto de Freitas. O nome do troféu é uma homenagem do Comitê Brasileiro ao ex-treinador de vôlei, falecido em 2018.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s