RESUMO DA COPA – dia 15

Aconteceu ontem, 4 de Outubro, no Japão, a quarta rodada da Copa do Mundo masculina de vôlei 2019. O Brasil manteve a liderança invicta. Os Estados Unidos estão na 2ª posição, em recuperação na competição, depois de perder na estreia para a Argentina. A Polônia vem em seguida, na 3ª posição, também com uma derrota, justamente, para os americanos.

Rodada 4

Na abertura da rodada, em Nagano, o confronto entre Egito e Canadá abriu o dia de jogos na Copa. Egípcios e canadenses fizeram uma partida disputada, decidida apenas no tie-break. Depois de fazer 2×0 no placar, com um duplo 27/25, a seleção canadense permitiu o empate do Egito. No set desempate, o Canadá venceu o jogo com 15/9, conquistando a primeira vitória na competição. O ponteiro canadense Hoag foi o maior pontuador do duelo com 20 acertos.

O canadense Hoag/Divulgação FIVB

Já em Fukuoka, a Polônia se recuperou do revés para os americanos, com uma vitória sobre a Argentina, de virada. O cubano naturalizado polonês Leon liderou sua equipe no triunfo por 3×1, com parciais de 27/29, 25/17, 25/18, 26/24. Ele marcou 20 pontos, sendo 17 de ataque, 1 de bloqueio e 2 no serviço.

Na sequência de jogos, ainda em Fukuoka, a Itália conquistou o segundo resultado positivo na Copa. Contra a Tunísia, os italianos venceram pelo placar máximo, com parciais de 25/19, 25/21, 25/18. Mais uma vez, o oposto da Itália, Gabriele Nelli foi o destaque individual de sua seleção. Ele anotou 21 pontos, em apenas 3 sets, sendo 19 no ataque.

O oposto Nelli no ataque/Divulgação FIVB

Em Nagano, após o triunfo brasileiro sobre a Rússia, Irã e Austrália entraram em quadra, repetindo a última final do Campeonato Asiático. Como na final do continental, o Irã venceu a Austrália. Dessa vez, por 3×1, com parciais de 25/22, 18/25, 25/18, 27/25. Mesmo com a derrota, o australiano Williams saiu do jogo como destaque na pontuação. Ele marcou 19 pontos.

A seleção iraniana comemora ponto/Divulgação FIVB

Encerrando o dia, o anfitrião Japão enfrentou os Estados Unidos, atuais campeões da Copa do Mundo. Sem dificuldades, os americanos bateram os japoneses, por 3×0, com parciais de 25/19, 25/19, 25/21. O central Holt dos Estados Unidos anotou a maior pontuação do jogo, com 12 no total, sendo 5 apenas no bloqueio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s