SELEÇÃO FEMININA PASSA FÁCIL PELA ARGENTINA

Pela Copa do Mundo feminina de vôlei, em jogo da segunda rodada da competição, o Brasil não teve dificuldades para derrotar a Argentina pelo placar máximo, com parciais de 25/17, 25/19, 25/16. Em grande atuação individual, a ponteira brasileira Gabi foi a maior pontuadora do confronto. Ela marcou 18 pontos. Pelo lado adversário, a ponteira argentina Nizetich foi o destaque com 10 pontos.

Com o resultado, as brasileiras conquistaram a segunda vitória na Copa do Mundo e ocupam a 5ª colocação na tabela. Na próxima segunda-feira, dia 16 de Setembro, a seleção brasileira realiza o terceiro jogo na Copa, contra a Holanda, a partir das 5h da manhã, com transmissão do SPORTV 2. Já a seleção da Argentina enfrenta os Estados Unidos, a partir das 2h da madrugada.

Ao final do duelo com a Argentina, a ponteira Gabi falou sobre o jogo com a assessoria da CBV. “Foi uma vitória importante. Já evoluímos em relação à partida contra Sérvia e cometemos menos erros. Nosso saque foi mais agressivo e nosso bloqueio voltou a funcionar. Foi bom também para as jogadoras que estavam de fora participarem do jogo. Elas entraram e mantiveram o nível. É um campeonato longo e temos que crescer a cada confronto. Estamos buscando o nosso equilíbrio”.

RESUMO

Assim como na estreia, o Brasil apresentou um bom volume de jogo e ao contrário da Argentina tinha grande eficiência no aproveitamento dos contra-ataques. Além disso, a virada de bola brasileira era superior a da Argentina. Em algumas situações, principalmente na primeira parcial, as argentinas conseguiam equilibrar o jogo no bloqueio. Porém, a medida em que a partida avançou, o Brasil foi muito melhor no fundamento. Foram 17 pontos da seleção brasileira contra 7 da Argentina. O Brasil errou muito pouco. Para completar, a linha de passe argentina teve muitos problemas com o saque brasileiro. A jovem e promissora levantadora Mayer não conseguiu distribuir bem o seu jogo, ao contrário da armadora brasileira Macris.

BRASIL Macris (2), Lorenne (10), Fabiana (9), Bia (5), Gabi (18), Amanda (11), Brait (L). Entraram: Roberta (0), Sheilla (6), Mara (0), Gabi Cândido (0), Carol (3). Técnico: José Roberto Guimarães

ARGENTINA Mayer (2), Fresco (5), Lazcano (5), Tosi (1), Nizetich (10), Bulaich (6), Rizzo (L). Entraram: Benítez (0), Piccolo (9), Soria (1), Gonzalez (L), Farriol (2), Rodriguez (6). Técnico: Hernan Ferraro

A ponteira Gabi no ataque/Divulgação FIVB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s