BRASIL NÃO TOMA CONHECIMENTO DO EGITO

image

Em seu segundo jogo no Pré-Olimpico, a seleção brasileira masculina de vôlei conquistou um novo triunfo. Contra o Egito, jogando na Bulgária, o Brasil não teve dificuldades para vencer a partida pelo placar máximo, com parciais de 25/12, 25/19, 25/14, em jogo válido pelo grupo A. O ponteiro Leal do Brasil foi o maior pontuador do confronto, com 13 acertos. Na próxima rodada da chave, os brasileiros decidem a disputa pela vaga olímpica contra os búlgaros. O duelo derradeiro acontece amanhã, 11 de Agosto, a partir das 14h30, com transmissão do SPORTV 2.

NÚMEROS
A seleção egípcia teve muitos problemas para superar o bloqueio brasileiro. No total, o Egito marcou apenas 21 pontos de ataque contra 46 Brasil. Além dos problemas na virada de bola, o serviço brasileiro deixou o levantador egípcio em apuros. Apesar disso, os egípcios anotaram mais pontos diretos no saque do que o Brasil. Com Leal e Maurício Borges em quadra na ponta, em raros momentos na partida, o Brasil voltou a apresentar instabilidade na recepção, principalmente com o serviço flutuante. Ao todo, foram 5 pontos de saque do Egito contra 4 do Brasil.

Individualmente, Bruninho foi o destaque do jogo com uma excelente distribuição. Por causa dele, todos os atacantes titulares tiveram alto aproveitamento de ataque. Nenhum deles, terminou partida com eficiência inferior a 50%. Sinal de que a recepção brasileira foi bem, mesmo com alguma instabilidade. Pelo Egito, o ponteiro Shafik foi o maior pontuador, mesmo com o baixo aproveitamento.

BRASIL Bruninho (3), Wallace (11), Flávio (5), Lucão (4), Leal (13), Maurício Borges (12), Thales (L). Entraram: Maurício Souza (4), Alan (3), Douglas Souza (2), Cachopa (0), Maique (L). Técnico: Renan Dal Zotto

EGITO Abdalla (2), Hisham (6), Abouelella (1), Seliman (1), Shafik (9), Afifi (1), Mohamed (L). Entraram: Seoudy (6), Hassan (1), Ibrahim (1), Atia (0), Sayed (0), Omar (2), Mohamed Hassan (L). Técnico: Gido Vermeulen

OUTROS RESULTADOS
Grupo A Porto Rico 0x3 Bulgária 20/25, 22/25, 12/25
Grupo B Bélgica 0x3 Holanda 22/25, 21/25, 20/25
Grupo B Estados Unidos 3×0 Coreia 25/20, 25/21, 25/16
Grupo C Sérvia 3×0 Camarões 25/22, 25/19, 25/13
Grupo C Austrália 2×3 Itália 25/21, 19/25, 26/24, 17/25, 13/15
Grupo D Polônia 3×0 França 25/21, 25/19, 25/20
Grupo D Tunísia 0x3 Eslovênia 23/25, 16/25, 24/26
Grupo E Irã 3×0 México 25/18, 25/21, 27/25
Grupo E Rússia 3×0 Cuba 25/18, 26/24, 27/25
Grupo F Finlândia 1×3 Argentina 17/25, 18/25, 25/21, 24/26
Grupo F China 2×3 Canadá 26/24, 21/25, 17/25, 25/23, 15/17

image
O ponteiro Leal, maior pontuador do jogo/Divulgação FIVB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s