FIVB ATUALIZA RANKING INTERNACIONAL

A Federação Internacional de vôlei atualizou seu ranking na última semana. O Brasil manteve as posições nos dois naipes. No masculino, a seleção brasileira continua em 1° lugar após o vice-campeonato no Mundial 2018. O Brasil é líder do ranking masculino há 17 anos. Já entre as mulheres, mesmo com a má campanha no Mundial, o Brasil terminou em 7° lugar na competição, as brasileiras seguem na quarta colocação.

As principais alterações nas posições do ranking internacional ocorreram no feminino. Depois do inédito título mundial, a seleção da Sérvia passou do 3° lugar para a liderança geral. Na sequência, aparecem respectivamente, China e Estados Unidos, na segunda e terceira colocação. As demais posições, até 8° lugar, mantiveram seus postos. Pela ordem: Brasil, Rússia, Japão, Holanda e Itália.

No masculino, mesmo com o tricampeonato mundial, a Polônia perdeu uma posição no ranking e está em 4° lugar. Isso porque, a Itália, terceira colocada, realizou uma campanha melhor no Mundial do que em 2014. A diferença entre as duas seleções é de 4 pontos. Já a Rússia, perdeu uma posição e está no 5° lugar. Os Estados Unidos estão na vice-liderança. Canadá, Argentina, Irã, França e Sérvia completam o rol dos dez primeiros colocados ocupando do 6° ao 10° lugar, respectivamente.

No link abaixo, você acessa o ranking em detalhes.

http://www.fivb.org/en/volleyball/Rankings.asp

TÓQUIO 2020

O anúncio da atualização do ranking pela FIVB foi importante porque o processo qualificatório para os Jogos Olímpicos de Tóquio será realizado a partir dele. As 24 seleções melhores colocadas, com exceção do Japão, sede dos Jogos, serão divididas em 6 grupos, com 4 países cada. A distribuição dos grupos acontecerá no formato serpentina, de acordo com as posições no ranking. O melhor de cada grupo garante vaga nos Jogos de Tóquio. Restarão 5 vagas a serem distribuídas nos pré-olímpicos continentais.

Dada a composição atual do ranking, hoje, o Brasil disputa uma vaga nas Olimpíadas, no masculino com: Bulgária, Egito e Porto Rico. No feminino, a seleção brasileira está ao lado de: República Dominicana, Camarões e Azerbaijão. A previsão de data para os torneios pré-olímpicos é agosto de 2019.

As sedes desses eventos pré-olímpicos serão decididas prioritariamente aos países melhores colocados no ranking. Na versão masculina, pela ordem, são eles: Brasil, Estados Unidos, Itália, Polônia, Rússia e Canadá. Na categoria feminina: Sérvia, China, Estados Unidos, Brasil, Rússia e Holanda. Caso algum desses países descarte sediar os pré-olímpicos, a FIVB dará prioridade ao segundo melhor colocado do grupo, no ranking, para receber os eventos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s