HOLANDA ELIMINA ESTADOS UNIDOS

image

A seleção holandesa de vôlei venceu os Estados Unidos no tie-break, em uma virada espetacular, pelo Campeonato Mundial feminino, em jogo válido pelo grupo H, do Final Six. Após estar perdendo por 2×0, as holandesas foram buscar um placar adverso, para vencer o jogo, com parciais de 30/32, 15/25, 25/22, 25/15, 15/9.

Com o resultado, a Holanda eliminou os Estados Unidos da competição e garantiu vaga nas semifinais do Mundial 2018. Na próxima rodada do grupo H, as holandesas jogam contra a China, em partida que irá decidir as posições da chave e a ordem dos confrontos das semifinais. O jogo é nesta terça-feira, 16 de outubro, a partir das 7 da manhã, com transmissão do SPORTV 2 e do canal da FIVB na internet.

ESTATÍSTICAS
A oposta holandesa Slöetjes marcou 38 pontos na partida, sendo 32 de ataque, 3 de bloqueio e 3 de saque. Seu aproveitamento de ataque foi de aproximadamente 45%. Sua atuação foi determinante para a vitória da Holanda. Em contraponto a sua eficiência, os Estados Unidos continuaram a sofrer com a titular na posição Murphy, que saiu zerada do jogo no 1º set, dando lugar a Lowe. Ela entrou bem e ajudou as americanas a virarem uma diferença de quase dez pontos no placar, na primeira parcial.

Porém, os Estados Unidos não contavam com a resiliência holandesa. Mesmo errando mais, a Holanda foi buscar a partida no serviço. Com um saque agressivo e as dificuldades americanas na virada de bola, a Holanda fez mais pontos no bloqueio que os Estados Unidos. Foram 11 pontos contra 7.

Ainda, logo no começo do jogo, com uma estratégia de saque consistente, a Holanda tirou da quadra a ponteira Kimberly Hill, melhor jogadora do Mundial 2014. Os Estados Unidos não deixaram barato. Pressionaram a ponteira holandesa Buijs na recepção e também a tiraram do jogo. Vieram do banco então, pelo lado holandês, Plak, e pelo lado americano, Bartsch. No entanto, quem se deu melhor foi a Holanda. Plak terminou o jogo com 50% de eficiência no ataque e Bartsch, 40%.

HOLANDA Dijkema (4), Slöetjes (38), Belien (10), Lohuis (3), Balkestein (6), Buijs (4), Knip (0). Entraram: Bongaerts (0), Luttikhuis (0), Plak (16), Schoot (0), Koolhaas (3). Técnico: Jamie Morrison

EUA Lloyd (1), Murphy (0), Akinradewo (12), Adams (13), Hill (2), Larson (11), Robinson (0). Entraram: Hancock (0), Lowe (15), Bartsch (17), Wilhite (0). Técnico: Karch Kirally

image
A oposta holandesa Slöetjes à direita/Divulgação FIVB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s